quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Muita sombra com a Árvore Samambaia.

Os termômetros, até na região Sudeste do País, estão passando de 40 graus em alguns locais. Nada mais justo e inteligente que procuremos saídas ecológicas e sustentáveis para esse terrível problema que, infelizmente, causamos ao nosso Planeta.
Que tal plantar uma árvore e prover o seu ambiente, local, região, com belas sombras, amenizando assim em até 40% os efeitos dessa alta temperatura e raios UV prejudiciais à família?
A árvore Samambaia que não é atrativa pelas flores e sim pela belíssima folhagem perene. Sua copa cresce de forma compacta e bem uniforme.



 
Nome científico: Filicium decipiens
Nome popular: Árvore samambaia
Árvore de porte grande (10-12 m) da familia das sapindáceas e de folhagem perene. É bastante decorativa e de crescimento compacto, o formato de suas folhas lembra a folhagem das samambaias. É apreciada mais pela beleza das folhas, e em alguns locais do Brasil é usada na arborização urbana apesar de ser pouco conhecida.

Origem: Índia, Ceilão.
Porte: de 8 a 12 m.
Florescimento: Julho – Agosto.
Flores: Inflorescências creme-amareladas, inexpressivas.
Frutos: Pequenos, globosos, de 0,5 cm de diâmetro: poucos e muito raros.
Folhas: Perenes, compostas de 7-9 pares de folíolos
Copa: Perfeitamente globosa, baixa e bem densa.
Ambiente: Sol pleno
Clima: Aprecia clima quente, podendo ser cultivada nos sub-trópicos. Não gosta de altitudes.
Solo: Areno-argiloso. Responde bem a
Crescimento: Lento. Responde melhor com adição de esterco na cova e adubações 10:10:10 por cobertura
Podas: De condução e levantamento da copa no início do desenvolvimento.
Reprodução: Por sementes.

Onde encontrar: Dierberger Limeira-SP


Nenhum comentário:

Postar um comentário